Brasília

6 incríveis brunches em Brasília que vão te deixar com água na boca

Se tem um programa que a gente gosta de fazer nos fins de semana é acordar e sair para descobrir lugares onde tomar café da manhã em Brasília, sem nenhuma preocupação. E nada como um brunch caprichado para matar esse desejo, né? Então decidimos buscar o melhor brunch de Brasília. E descobrimos 6 lugares incríveis que você não pode deixar de conhecer.

Mas o que é Brunch mesmo?

Brunch é a mistura do breakfast (café da manhã) com o lunch (almoço), ou seja um café da manhã bem reforçado no meio da manhã. Dizem que foi criado na Inglaterra, no final do século 19, para atender àqueles que só conseguiam acordar muito tarde, depois de passar a noite inteira na farra. O cardápio inclui refeições mais completas e uma variedade maior de pratos. A proposta do brunch é que você faça sua refeição com calma, conversando, curtindo, sem muita pressa para terminar de comer.

Já que amamos um brunch, resolvemos sair em busca do melhor brunch de Brasília. Tem brunch francês, mais abrasileirado, mais simples e mais encorpado. Vamos aos nossos escolhidos!

Daniel Briand: o melhor croissant

CLN 104 - Bloco A - Loja 26

Nós começamos a nossa busca no charmoso Daniel Briand. Com um clima parisiense e bem aconchegante, o Patissier (que é tipo um confeitaria fina francesa) é desses que faz a gente querer ficar sentado por horas, apenas apreciando a sua culinária. No cardápio, há duas opções disponíveis de brunch.

Fico me sentido num café na Champs-Élysées , tudo muito chique - Felipe

A primeira é o Première Formule (R$ 50), que vem com pães, manteiga, queijo gruyère e geleia da casa, um croissant, um pão de chocolate, um brioche de amêndoa e patê de champagne ou salada de frutas com chantilly. Para beber, suco de laranja e um acompanhamento quente à sua escolha: café, chocolate ou chá. Já a segunda opção é o Deuxième Formule (R$ 41), que acompanha pães, manteiga, queijo gruyère e geleia da casa, um croissant e um pão de chocolate. Para beber, as mesmas opções do Première Formule.

Depois de escolher uma mesa, fomos rapidamente atendidos, mesmo com o restaurante bem cheio. Escolhemos a primeira opção de Brunch. E o destaque absoluto fica por conta do croissant, que é extremamente delicioso, além da combinação do queijo gruyére com o patê de champagne. O pão de chocolate também é muito bom. O Première Formule serviu bem para mim e para o Felipe. Pedimos apenas uma bebida quente à parte (café nunca é demais). <3

Belini Café - The Coffee Experience: o melhor café

CLS 114 - Bloco B - Loja 07

Para quem adora café como a gente, a Belini Café é parada quase que obrigatória. No cardápio, uma imensa variedade da bebida. Mas, voltando ao tema brunch, eles oferecem no menu opções mais abrasileiradas, com tudo aquilo que a gente gosta. O café preguicinha (melhor nome de brunch - R$25), que foi a nossa escolha, acompanha um café especial coado, um croissant, geléia e manteiga, salada de frutas, iogurte, granola caseira e porção de ovos mexidos. Há ainda outras opções de café da manhã no cardápio, menos parecidas com brunch, como o café fit, que acompanha café coado com torradas; o café dos campeões, que vem com panqueca e vitamina de banana; além do café zero lactose e zero glúten (tá na moda né).

O atendimento foi ótimo. O destaque fica para o café coado e para os ovos mexidos (nós pedimos para acrescentar bacon, porque né, temos que honrar o nome). O café preguicinha serve bem uma pessoa ou mais ou menos duas. Nós pedimos à parte uma porção de pão de queijo, outra de ovos mexidos e mais um café (como sempre né).

Quitinete Gourmet: o melhor custo x benefício

CLS 209 - Bloco B - Loja 05

O brunch da Quitinete Gourmet é um dos nossos favoritos. Primeiro por conta do ovo benedict, que é simplesmente divino. Depois por conta do preço, que é super acessível.

Por R$ 28, você aprecia o brunch que acompanha uma cesta de pães, manteiga, geleia da casa, requeijão, ovo benedict (hummmm), salada de frutas, bolo de cenoura, queijo com bacon, mini panqueca com chantilly, suco de laranja e uma bebida quente à sua escolha.

O atendimento na Quitinete é sempre muito bom. Não temos do que reclamar.

Dica: escolha as mesas de fora para sentar e apreciar a comida. O clima é bem mais legal!

Se eu pudesse te dar só uma dica, seria, coma o ovo Benedict - Felipe

Ernesto Cafés Especiais: o melhor para curtir a manhã

SQS 115 - Bloco C - Loja 14

O Ernesto tem um clima delicioso para começar o dia. O bom aqui é ficar debaixo das árvores apreciando um bom café da manhã e vendo a vida passar.

Escolhemos o dia do meu aniversário para conhecer esse brunch. Apesar de estar bastante cheio (aos sábados lá é sempre movimentado), o atendimento do restaurante foi bem rápido. Mas a nossa dica é que você não chegue com muita fome, caso queira escolher uma mesa melhor. Tá, mas e a comida, vale a pena?

O brunch do Ernesto Café é composto por uma cesta de pães, ovo mexido com bacon, salada de frutas com granola, manteiga, requeijão e geleia da casa. Para beber, as tradicionais bebidas de brunch: suco de laranja e café ou cappuccino. O destaque do brunch são os pães, extremamente bem feitos e deliciosos.


Está gostando e quer continuar por dentro? Curta a nossa página!

Universal Dinner: o melhor atendimento

CLS 210 - Bloco C - Loja 18

Ao chegar no Universal Dinner, logo fomos recebidos por um atendimento super bem feito e atencioso. Antes mesmo de pedir, eles já nos serviram uma peta e um mini suco detox.

No cardápio, duas opções de brunches: New York City (R$ 49), que acompanha um café Universal expresso ou cappuccino ou chocolate quente, iogurte artesanal com melaço, 2 pancakes, 2 ovos caipiras, queijo frescal caseiro, bacon, brioche com manteiga, geleia da casa e bolinho do dia.

Já o brunch Universal (R$ 49) vem com café expresso ou cappuccino ou chocolate quente, suco de laranja, iogurte artesanal com melaço, omelete de mozzarella de búfala, tomatinhos e manjericão, brioche com salmão curado e creme de endro dill.

Nós fomos de New York City (wanna be fancy). Difícil escolher qual comida foi a mais gostosa. Mas, para mim, o ovo mexido (visivelmente feito de ovos caipira) e o pãozinho que vem junto são incomparáveis.

Ah, o iogurte também estava divino. Além do brunch, pedimos a omelete de muzzarella de búfala que valeu cada centavo.

No brunch do Universal eles servem mimosa, eu até queria, mas achei caro - Felipe

Ponto positivo para a decoração do Universal, que proporciona um clima super descontraído e ao mesmo tempo sofisticado, você sai de lá glamourosa.

Quintal F/508: o melhor ambiente

CLN 413 - Bloco D - Sobreloja Sala 113

Encerramos a nossa busca pelos melhores brunches de Brasília no Quintal F/508, que foi uma grata surpresa para nós.

Inicialmente, o local funcionava apenas como um espaço de fotografia. Mas, para atender às demandas gastronômicas dos alunos, eles decidiram abrir, em 2014, o café e espaço de convivência, Quintal F/508. O F do nome faz uma referência ao número de abertura de lentes fotográficas. (sim, nós ficamos curiosos e perguntamos isso). Já o 508 faz referência à antiga localização, na 508 Sul.

Bem escondidinho, o espaço é pequeno e aconchegante. Quando você chega, parece que você está chegando na casa de alguém, dá até para acompanhar de perto a preparação das comidas. O ambiente é super descontraído, possui mini exposições de fotografias e uma decoração mega descolada. Tudo isso faz você querer ficar lá sentado aproveitando a experiência. Sem falar na vista para o parque olhos d’água que também não é nada mal.

Mas, vamos ao que interessa! E o brunch? Vale a pena? Sim! Valeu demais. Bem, o brunch do Quintal F/508 serve tranquilamente duas pessoas. Por R$ 49, ele acompanha torre de banana pancake acompanhada de mel, geleia caseira ou nutella, omelete de forno com recheios do dia, queijo quente especial feito no pão de fermentação natural com queijos especiais e manjericão, iogurte natural com geleia caseira, mel e frutas frescas, cestinha de biscoitos caseiros, bebida quente e suco do dia.

O que achei bem legal também é a opção do meio brunch. Se você quiser ir sozinho ou não quiser dividir, por R$ 29 você experimenta as mesmas comidas, mas em proporção menor. Legal, né?! O destaque da comida vai para o queijo quente e para a torre de banana pancake. Ambos estavam simplesmente deliciosos.

Bistrô Jardim Bom Demais: a maior decepção

Jardim Botânico

Mesa Vazia

Ué, mas não tinha acabado? É importante ressaltar que nós tentamos experimentar o brunch do bistrô Jardim Bom Demais, mas que nós infelizmente não conseguimos nem sentir o cheiro dele. Fomos super mal atendidos e, inclusive, fiz um post aqui no blog falando sobre essa péssima experiência. Se você não leu ainda, leia! Foi super decepcionante.


É isso, gente! Espero que tenham gostado das dicas. Se você for em alguns desses brunches, não deixe de nos contar a sua experiência! Pode ser aqui nos comentários, no Facebook ou no Instagram.

Bjs.